Diretores da Funpresp-Jud participam de webinar promovido pela ANPR e Ajufe

 In Destaques, Notícias Institucionais, Patrocinador

O Diretor-Presidente da Funpresp-Jud, Amarildo Vieira de Oliveira, e o Diretor de Investimentos, Ronnie Gonzaga Tavares, participaram no dia 21/05 do webinar promovido pela Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) e pela Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe), no Youtube. O tema foi “Funpresp-Jud e a crise”, com o objetivo de abordar os impactos provocados pela pandemia do novo coronavírus e a mudança na Política de Investimentos para manutenção de rendimentos satisfatórios em um cenário de turbulência. A moderação foi feita pelo Procurador da República Rodrigo Tenório e pela Juíza Federal Carolline Scofield. Clique aqui para assistir na íntegra.

Dentre os assuntos abordados, Amarildo destacou a rentabilidade alcançada pelo Plano de Benefícios em abril, que foi a maior da história da Fundação para um único mês, o trabalho de educação financeira realizado pela Fundação ao longo dos anos junto aos participantes, bem como a rotina de transparência das informações contribuíram para que não houvesse grande demanda por esclarecimentos desde o início da crise. Ele também destacou que o participante do plano de benefícios e seus familiares terão direito à Cobertura Adicional de Risco (CAR) em caso de morte ou invalidez gerada pelo Covid-19. O assunto já foi tema de matéria no site, você pode ler aqui.

Ainda em relação à pandemia, Amarildo reforçou que o prazo de revisão do percentual de contribuição dos participantes está aberto no mês de maio. Após a conclusão, dependendo do número de solicitações, haverá estudo para reabertura antes do próximo prazo previsto, em novembro.

Ronnie fez um breve histórico sobre os últimos 16 meses para chegar ao cenário atual. Detalhou o passo a passo realizado pela área de Investimentos diante de crise, também disponível nos relatórios divulgados pela Fundação. Dentre eles, interromper o que estava sendo feito e prospectado para um cenário anterior à crise; deixar de fazer movimentos mais arriscados; destinar as novas contribuições para ativos mais conservadores; voltar a adquirir, no início de abril, ativos de renda fixa de mais longo prazo; e proteger um pouco mais a parcela de renda variável. Sobre o futuro, o diretor afirmou ainda não ser possível prever, em razão do momento ainda nebuloso e turbulento. Ele também reforçou a necessidade de prudência na tomada de decisões. Ronnie também destacou a recuperação dos resultados em abril. Saiba mais aqui.

Questionado sobre a criação de perfis de investimentos, Ronnie explicou que os estudos estão praticamente prontos e que a próxima etapa será a adequação de sistema interno de controle e gerenciamento dos perfis de investimentos. Depois disso, deverá ser feita a distribuição dos participantes entre os perfis. Ele também contou que o tipo de perfil que a Funpresp-Jud está caminhando para adotar é o do sub-modelo “Fundo Data Alvo”, que considera a data de aposentadoria do participante e não a idade dele. Deverão ser oferecidos três ou quatro opções de perfis. A previsão é o que o lançamento ocorra no início de 2021.

Durante o webinar, os diretores responderam perguntas dos mediadores e recebidas via chat.